Por pbagora.com.br

Passado o primeiro turno das eleições municipais em João Pessoa, o presidente da executiva estadual do PT na Paraíba, Jackson Macedo disse que vai dissuadir a direção nacional de expulsar o deputado estadual Anísio Maia do partido, bem como a presidente municipal do PT em João Pessoa, Giucélia Figueiredo.

“Houve equívoco dos dois lados. Seria muito ruim para o nosso partido esse tipo de punição agora. A hora é de união e de pensarmos juntos 2022 para reelegermos o deputado federal Frei Anastácio e o deputado Anísio Maia. Vamos parar a briga entre nós”, afirma Jackson Macedo, para quem é possível resolver o imbróglio com um diálogo franco entre as partes, de modo a arquivar o processo interno contra Anísio Maia. Jackson disse ainda que conversará com Gleisi Hoffmann, presidente nacional, ainda esta semana sobre o assunto.

“Vamos acabar com isso. Vou entrar em contato com a minha presidente nacional para cessar essa história. A eleição acabou e agora nós temos é que reconstruir o PT, porque a situação que saiu das urnas não foi boa. O resultado ficou aquém do que esperávamos”, avaliou.

Redação

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Análise – A ideia de Ricardo Barbosa é muito boa e deveria ser adotada em território nacional

A ideia do deputado estadual Ricardo Barbosa, de impor restrições de direitos àqueles que não tomarem a vacina contra o coronavírus é ótima. Das melhores, dentre tantas outras que vieram…