Por pbagora.com.br

Refúgio da morte. Esse foi o cenário em que se transformou a Câmara Municipal de João Pessoa nesta quinta-feira, 12.

Relembrando os tempos do faroeste, um homem identificado como Isaac Sérgio, de 32 anos, se refugiou nas dependências do Legislativo Munipal para escapar da morte.

 Segundo ele, uma perseguição de integrantes de uma facção criminosa buscava matá-lo hoje pela manhã. Os bandidos tentaram pegá-lo até a escadaria da casa, mas não obtendo êxito, fugiram do local em seguida.

"Minha morte está encomendada", afirmou em tom de desespero.

Isaac apresentava sangramento pelo corpo, devido a uma facada, e foi socorrido pela Polícia Militar instantes após provocar o tumulto na Casa de Napoleão Laureano. Apesar de acionado, o SAMU informou que não havia nenhuma ambulância disponível para atendê-lo naquele momento.

A ocorrência foi lavrada pela polícia civil, que já abriu diligência para localizar os acusados.

Ytalo Kubitschek

PB Agora
 

Notícias relacionadas

Cida trata saída do PSB e possível ida para o PT como especulação

A deputada estadual Cida Ramos, do PSB, negou que esteja de malas prontas para o PT no intuito de disputar à reeleição para uma cadeira da Assembleia Legislativa da Paraíba…

Opinião: Bancada ‘Cara Pálida’!

O grande e excelente jornalista J. R. Guzzo, diretor editorial da revista Exame e colunista da revista Veja, no dia de hoje deu uma declaração triste sobre a bancada evangélica…