Por pbagora.com.br

O governador João Azevêdo (PSB) esteve pessoalmente nas dependências do Hospital de Emergência e Trauma de João Pessoa, onde realizou, juntamente com o secretário de Saúde Geraldo Medeiros, uma reunião com alguns servidores do local.

Na ocasião, João garantiu aos colaboradores, que haviam vivido um dia de incertezas por conta do término do contrato da unidade hospitalar com a Cruz Vermelha, que o Estado assumiu o compromisso com todos que fazem parte da instituição e que ninguém sairá prejudicado.

As principais dúvidas dos servidores eram se conseguiriam receber os direitos trabalhistas e sobre a permanência dos seus empregos.

João fez questão de ressaltar também que o compromisso da sua gestão não é apenas com os colaboradores, mas também com os fornecedores e cooperativas que também receberão seus pagamentos.

“O Governo do Estado assumiu o compromisso com todos que fazem parte desta instituição. Não haverá prejuízo de forma nenhuma para ninguém”, garantiu, adiantando que o hospital continuará de portas abertas na próxima segunda-feira “para atender da melhor forma possível à população da Paraíba, bem como dos Estados circunvizinhos” concluiu.

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Opinião: a eleição em João Pessoa e o tom do ‘eu sei o que vocês fizeram no verão passado’

“Em uma pequena cidade costeira, quatro adolescentes atropelam e supostamente matam um desconhecido. Com medo das consequências deste acidente, decidem se livrar do corpo e o jogam no mar. A…

Coletivo petista rejeita Anísio e anuncia apoio a RC e Barbosa pela PMJP

Contrariando a informação que a chapa proporcional do Partido dos Trabalhadores em João Pessoa apoiaria de forma unânime e irrestrita a candidatura impugnada de Anísio Maia, o Coletivo Nossa Voz,…