Por pbagora.com.br

O governador João Azevêdo lança, hoje (7), às 9h, a 31ª Edição do Salão de Artesanato Paraibano, que este ano tem como tema Metal que Vira Arte, e será realizada de 10 de janeiro a 2 de fevereiro, na Avenida Cabo Branco, 2260.

Na ocasião, a imprensa será informada sobre o funcionamento do salão, que este ano volta a ser realizado na orla marítima de João Pessoa, atendendo reivindicação antiga dos artesãos.

Esta edição do Salão de Artesanato da Paraíba contará com a participação de 300 artesãos, contemplando os diversos municípios paraibanos, a exemplo de Cabedelo, João Pessoa, Campina Grande, Pilar e Cajazeiras.

A estimativa é que o evento receba um público de mais de 100 mil pessoas e gere um volume de negócios – incluindo encomendas – em torno de R$ 1,3 milhão.

O Salão homenageia este ano 12 artesãos, sendo 10 de João Pessoa, um de Bayeux e um de Pilar.Entre os homenageados estão o artista plástico, escultor e artesão Wilson Figueiredo; o artesão João de Deus; a artesã Rosicler Fontana, que trabalha com a fabricação artesanal de diversos tipos de facas; e o casal Humberto Heleno e Maria Miguel.

A 31ª edição do Salão do Artesanato da Paraíba vai contar com a co-realização do Sebrae-PB e parcerias do Iesp Faculdades, Empreender-PB, Jucep, Procon-PB e Cagepa.

 

Redação com Secom

Notícias relacionadas

“Não é fácil discutir política com a juventude”, diz secretário do PT-PB

Os partidos classificados como de centro político foram os grandes destaques das eleições municipais de 2020 e dividiram o controle dos municípios de forma mais equilibrada. Pela primeira vez desde…

“Nossa educação não está preparada”, diz Chió ao apoiar João no não retorno das aulas presenciais

A Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) realizou esta semana audiência pública, para debater o retorno às aulas presenciais nas redes de ensino pública e privada do Estado. Na opinião do…