Por pbagora.com.br

Diário Oficial do Estado desta terça-feira (28) trouxe o ato do governador João Azevêdo, da exoneração do deputado estadual Francisco Gomes de Araújo Junior (Avante) do cargo de secretário chefe do Governo.

O político havia confirmado a decisão na última semana pelas redes sociais. Júnior Araújo passou seis meses no cargo do governo e agora retorna retorna a titularidade do mandato na Casa Legislativa.

Antes do deputado assumir a função, em janeiro de 2020, o cargo havia ficado vacante desde 2019, quando o então secretário Edvaldo Rosas foi exonerado depois de ser investigado na Operação Calvário. O substituto no cargo da secretaria não foi divulgado.

Redação

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Redes sociais vão limitar e caracterizar propaganda eleitoral

As propagandas políticas e eleitorais serão identificadas com um selo no Facebook e no Instagram, e poderão ser ocultadas pelos usuários a partir desta semana. Ao abordar o tema, o…

PSOL dá o tom da pré-candidatura à PMJP: “Contras as oligarquias”

“Optamos por lançar uma proposta mais pertinente para quem defende interesses reais da população, e não interesses das oligarquias”, a declaração é do pré-candidato a prefeito de João Pessoa pelo…