Por pbagora.com.br

O presidente da Assembleia Legislativa da Paraíba, Adriano Galdino (PSB) ratificou, em entrevista, a intenção de deixar os quadros do PSB paraibano assim que for aberta uma janela partidária, mas, na nova Casa, dois requisitos devem ser cumpridos – que ele se filie em uma nova agremiação para presidir o partido e que ele confie no presidente nacional da sigla.

O objetivo, conforme Galdino, é fugir de futuras ‘pegadinhas’ com promessas que não sejam cumpridas.

“Que eu vou sair do PSB já é certo, e o critério para entrar em uma nova sigla é que eu seja presidente e que eu confie no presidente nacional. Estive com os presidentes nacionais do Avante e do PRB. Estou conversando com as direções nacionais e só entro em algum partido se for pra eu ser presidente, até porque eu tenho medo de pegadinha. Eu sou um cara que gosta de cumprir compromisso, mas eu já tenho sofrido com isso das pessoas prometerem e não cumprirem comigo”, desabafou

 

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Ruy cobra reabertura imediata do Congresso por causa da pandemia

Com o agravamento da pandemia no Brasil e a situação de calamidade em Manaus, o deputado paraibano Ruy Carneiro defendeu a imediata suspensão do recesso parlamentar da Câmara Federal e…

Twitter diz que post de Bolsonaro sobre ‘tratamento precoce’ da Covid viola regras

Rede social colocou alerta sobre ‘publicação de informações enganosas’. Este tipo de medida restringe a circulação do tuíte, mas ele continua disponível na rede social. O Twitter colocou por volta…