O candidato do PT, Fernando Haddad, venceu em 217 das 223 cidades do estado da Paraíba na votação ocorrida no domingo (7). Ele obteve 45,46% dos votos válidos e liderou o 1º turno para a Presidência da República no estado, nas Eleições 2018. Jair Bolsonaro (PSL), que ficou em segundo lugar na Paraíba, venceu em cinco cidades, inclusive a capital João Pessoa. Ciro Gomes (PDT) venceu apenas na cidade de Santa Luzia, no Sertão do estado.

 

 

Jair Bolsonaro, com 46,03% dos votos válidos, e Fernando Haddad, com 29,28%, disputam o segundo turno das eleições para presidente. João Azevêdo vence em mais de 200 das 223 cidades da Paraíba.

 

 

Jair Bolsonaro alcançou 31,30% dos votos válidos na Paraíba. Na capital João Pessoa ele recebeu 49,87% dos votos válidos. Em Campina Grande o resultado alcançado por ele foi de 50,61%. Em Cabedelo foram 47,23%, em Bayeux foram 44,25% e em São Bento foram 40,04%.

Ciro Gomes recebeu 17,75% dos votos válidos ficando em 3º lugar na Paraíba. No município de Santa Luzia ele liderou a disputa presidencial e obteve 34,18%. Atrás dele ficaram Haddad com 33,98% e Jair Bolsonaro com 25,65%.

 

Os candidatos Geraldo Alckmin (PSDB), Cabo Daciolo (PATRI), Henrique Meirelles (MDB), João Amoêdo (NOVO), Marina Silva (REDE), Guilherme Boulos (PSOL), Alvaro Dias (PODE), Vera (PSTU), Eymael (DC) e João Goulart Filho (PPL) não venceram a disputa eleitoral em nenhuma cidade paraibana.

 

 

Redação com G1

 


Certificado digital mais barato para advogados e contadores. Clique e saiba como adquirir

 

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

“O que não deixa a saúde funcionar é a corrupção e falta de gestão”, diz Ruy

A falta de informatização na gestão da saúde em João Pessoa compromete o atendimento às pessoas e dá margem para corrupção. Este foi um dos problemas apontados durante entrevista nesta…

Efraim Filho se compromete a viabilizar diálogo da APDP com governo do estado

O deputado federal Efraim Filho se comprometeu a abrir um canal de diálogo entre a Associação Paraibana dos Defensores Públicos e o governador João Azevedo, para que a entidade possa…