Reunida na noite desta quinta-feira (03) a executiva estadual do Partido dos Trabalhados aprovou nota de repúdio ao ex-deputado Jeová Campos, que em entrevista à imprensa fez declarações levianas contra o prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PT), e o deputado federal Luiz Couto (PT).

Na nota, a executiva estadual do PT paraibano reafirmou a defesa do pluralismo partidário na sociedade brasileira com aprimoramento de funcionamento e organização, a luta pela reforma política e partidária que colocará na sociedade uma política eleitoral e de partidos políticos que represente os anseios da sociedade, defende a política do prefeito Luciano Cartaxo, que não utilizou a Prefeitura de João Pessoa como cooptação e barganha de políticos de plantão para os quadros do partido, como também repudia as declarações do ex-deputado estadual Jeová Campos contra o prefeito Luciano Cartaxo e o Deputado Luiz Couto, classificando-as como mentirosas e levianas, para mostrar serviço ao seu novo chefe político, o governador Ricardo Coutinho (PSB).

Ainda na nota, o partido reafirma a oposição ao governo de Ricardo Coutinho (PSB) e a disposição de continuar construindo uma nova política para a Paraíba para as eleições de 2014, conjuntamente com partidos da base de sustentação do governo da presidenta Dilma Rousseff (PT).

 

 

 

Assessoria de Imprensa

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Novo prefeito de Patos deve ser definido hoje após eleição na Câmara

Considerada uma das mais importantes cidades do Sertão, a prefeitura de Patos, deve saber quem é seu novo gestor nessa sexta-feira (23), após as 18h em eleição marcada para a…

Opinião: se João Azevêdo não tomar cuidado, poderá virar mamulengo nas mãos das velhas raposas da política. Já vimos este filme…

Quem perde e quem ganha, com este iminente rompimento político do governador João Azevedo com o seu antecessor Ricardo Coutinho? Só quem ganha é a oposição que, massacrada nas urnas,…