Por pbagora.com.br

Um ex-presidiário que havia deixado a prisão há aproximadamente 40 dias e estava trabalhando como flanelinha, desde então, foi assassinado com três tiros na cabeça, na manhã deste domingo (25), na Avenida Cruz das Armas, no bairro de Oitizeiro, em João Pessoa.

A polícia acredita ter sido um crime de execução, já que um dos disparos foi feito à queima roupa e pelas costas. No local, ninguém quis dar informações sobre o homicídio.

Até agora motivação e autoria do crime seguem desconhecidas. O caso será investigado pela Polícia Civil

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Xadrez político: bastidores apontam novo destino partidário para Veneziano

O senador Veneziano Vital do Rêgo é filiado ao PSB na Paraíba, mas, em breve, pode voar para outra freguesia. Apesar de especulações apontarem que ele estaria cotado para assumir…

AL discute investimentos da LOA 2021 na Saúde durante Audiência Pública

A Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) voltou a debater, nesta quinta-feira (3), a Proposta de Lei Orçamentária Anual (LOA) para o ano de 2021 em Audiência Pública temática sobre a…