O governador João Azevêdo (PSB), ainda sobre uma avaliação sobre seus primeiros seis meses de governo, comentou sobre suas promessas de campanha e das principais ações promovidas, por sua gestão, nas áreas de segurança pública, mobilidade urbana, funcionalismo público e cultura, bem como o cumprimento de suas promessas de campanha em 2018.

“Eu só não prometo aquilo que não vou cumprir e nem assumo compromisso daquilo que eu sou contrário”, enfatiza o governador João Azevêdo, destacando: “A minha relação é com muita verdade nas coisas… Do contrário, fica muito difícil”.

De acordo com o chefe do Executivo estadual, a gestão teve a oportunidade de realizar uma série de ações no período, apesar das dificuldades que o país atravessa e isso se deve a um bom planejamento entre a manutenção das atividades da administração e as novas ações que estão em processo de implantação. “Temos encontrado caminhos que indicam como podemos avançar com todo mundo se beneficiando, encontrando caminhos reais que podem ser produtivos para a população paraibana”.

De acordo com o chefe do Executivo estadual, a gestão teve a oportunidade de realizar uma série de ações no período, apesar das dificuldades que o país atravessa. “Nós trabalhamos para que esse Estado se mantenha firme e forte, honrando seus compromissos com pagamento em dia de funcionários e de fornecedores, fazendo com que as políticas públicas continuem avançando e tudo isso é resultado da busca incansável de todo o time que compõe a administração”, ressaltou.

Redação com Jornal A União

Total
6
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

João e demais governadores do NE viajam para Europa em busca de investimentos

O governador João Azevêdo viajou neste domingo (17), com demais governadores do Nordeste para cumprir missão na Europa, em busca de investimentos para áreas integradoras da Região, como sustentabilidade, infraestrutura,…

Presidente do PSB destaca que encontro de RC com Lula não representa aliança entre as siglas

O presidente nacional do PSB, Carlos Siqueira, negou ontem (16) que tenha havido uma conversa institucional entre o partido socialista e o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) desde…