A Paraíba o tempo todo  |

(EMANOEL)Encontro de governadores volta a PB para discutir segurança pública no Nordeste

PUBLICIDADE

O governador Ricardo Coutinho (PSB) confirmou ontem que a próxima reunião dos governadores do Nordeste será na capital paraibana. A pauta já está definida. Os nove gestores estaduais da região vão se reunir para discutir propostas para melhorar a segurança pública e principalmente tentar unificar o discurso em um futuro debate com a Presidência da República.

 

A data do encontro ainda não foi acertada, mas Ricardo defende que os governadores elaborem uma proposta única sobre o tema da segurança pública para ser encaminhada ao presidente Michel Temer (MDB). A mobilização acontece em meio à decisão do Governo Federal de decretar na última sexta-feira uma intervenção federal na segurança pública do Rio de Janeiro e de criar um novo ministério para tratar especificamente da área. A última vez que o Encontro de Governadores do Nordeste aconteceu na Paraíba foi em 2014.

 

Ricardo Coutinho se posiciona contra as intervenções e garante que o Governo da Paraíba dispensa esse tipo de interferência. Mas, ao mesmo tempo, o paraibano endossa a necessidade da construção de uma mesma base de atuação entre todos os estados nordestinos para assim reduzir os índices de criminalidade.

 

O governador, inclusive, já havia abordado o tema em reuniões anteriores, enfatizando a necessidade do diálogo. “Não há saída para a segurança pública sem política nacional. Um Estado não vai resolver isso sozinho. Não se trata de colocar policial na rua, mas definir as ações organizadas e garanti-las”, defende o governador nos últimos tempos.

 

As reuniões entre governadores do Nordeste é uma agenda que vem sendo realizada com mais frequência nos últimos anos, justamente com o objetivo de traçar políticas públicas conjuntas para a região, mas a ideia agora é um encontro específico para tratar de segurança.

 

Redação

PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe