Por pbagora.com.br

O Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB) indeferiu uma medida cautelar impetrada pela Direção Nacional do PT e manteve a candidatura de Anísio Maia (PT) para prefeito de João Pessoa.

A decisão foi do juiz Rogério Roberto Gonçalves de Abreu que negou liminar da presidente nacional do PT, Gleisi Hoffmann, para suspender a decisão da 64ª Zona Eleitoral, que habilitou a candidatura de Anísio.

“Conquanto, finalmente, entenda como bastante forte o fundamento de que não caberia à justiça eleitoral conhecer sobre fundamentos relacionados à higidez dos atos praticados pela instância nacional – eis que se trataria de matéria de competência da justiça estadual comum –, registro a compreensão de que sua repercussão direta e imediata no próprio processo eleitoral descaracteriza-lhe a condição de ‘meros’ atos interna corporis e, assim, implicam a competência, ainda que incidental, do juízo eleitoral, exatamente como ocorre no caso concreto”, justificou o magistrado.

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Em JP, Raoni se projeta no 2º turno e veta citados por corrupção em seu palanque

Candidato à prefeitura de João Pessoa pelo Democratas, o ex-deputado estadual Raoni Mendes minimizou os números das pesquisas Ibope e Consult, divulgadas nas últimas semanas, que o colocam fora do…

AGENDA: candidatos e candidata a PMCG tem dia de intensa atividade de campanha

Os candidatos a prefeito de Campina Grande mais uma vez terão um dia de intensa campanha eleitoral. Entrevistas, visitas, encontros e gravação para o guia eleitoral, marcam a agenda dos…