Efraim fala pela primeira vez sobre a derrota nas urnas e desabafa: “Se existe um responsável sou eu mesmo”

O senador Efraim Morais (PSDB) falou hoje pela primeira vez sobre a derrota nas urnas nas eleições deste ano e sobre o futuro político a partir de agora. Em entrevista, o presidente do Democratas na Paraíba também revelou que rumo político irá seguir após o dia 31 de dezembro, quando deixa o Senado Federal e volta à Paraíba.

Sobre os possíveis responsáveis pela falta de êxito no processo eleitoral, Efraim faz desabafo: “Se existe um responsável pela minha derrota sou eu mesmo. Não posso atribuir a mais ninguém minha derrota”, explicou Efraim, acrescentando que se considera um vitorioso por ter conseguido nas urnas quase 700 mil votos. “Sou um político que respeita o resultado das urnas. Mas vamos continuar trabalhando pela Paraíba mesmo sem mandato”.

Efraim também elogiou os novos senadores, que vão assumir no dia 1º de janeiro do próximo ano, incluindo até o nome de Wilson Santiago (PMDB) que pode assumir caso Cássio Cunha Lima (PSDB) tenha sua candidatura negada pelo Supremo Tribunal Federal (STF). “A Paraíba ganhará mais com Wilson ou Cássio e Vital no senado”.

Futuro na politica – Ao ser questionado a respeito de seu futuro político a partir de janeiro de 2011, quando deixa o cargo de senador, Efraim informou que volta a assumir a função de engenheiro da Superintendência de Obras do Plano de Desenvolvimento (Suplan) de onde estava licenciado.

Quanto à possibilidade de assumir uma das pastas no governo de Ricardo Coutinho (PSB), o senador disse que não tratou ainda do assunto e se o convite for feito será ao partido não ao político, e cabe aos correligionários decidir em reunião o melhor nome.
 

 A entrevista foi concedida na tarde desta quarta-feira (17) ao Programa Correio Debate, 98 FM.   

PB Agora

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

TRF absolve vice prefeito Enivaldo Ribeiro em ação de improbidade

A 3ª turma do TRF da 5a Região , em julgamento ocorrido nesta quarta -feira , reformou sentença proferida pela 4a Vara Federal de Campina Grande, julgando improcedente ação de…

Bruno afirma ter apoio de vereadores de Romero para disputar PMCG

Prestes a se encontrar com o ex senador Cássio Cunha Lima (PSDB), para discutir a sucessão municipal de 2020, o ex-deputado Bruno Cunha Lima, e atual secretário-chefe do Gabinete do…