O deputado federal paraibano Efraim Filho (Democratas) disse em entrevista que uma das principais ações do Governo Bolsonaro para solucionar o déficit previdenciário deve ser o combate às fraudes e aos recebimentos indevidos de benefícios do INSS.

“Estamos diante de uma experiência exitosa, onde o combate às fraudes estão assegurando o uma economia de 2.5 bilhões para o pagamento do 13° do Bolsa Família, uma ideia proposta pelo ex-senador Efraim Morais e aprovada pelo o Senado, e rejeitada pelos os governos anteriores, mas agora implementada pelo Governo Bolsonaro” justificou.

Efraim Filho afirma que o mesmo deve ocorrer com o combate aos recebimentos indevidos e as fraudes no INSS.

“Somos informados constantemente pela mídia de operações realizadas pela Polícia Federal que combatem essas fraudes milionárias no INSS, algo que se tornou corriqueiro, e que precisa ser enfrentado com mecanismos de controles internos e externos, por isso defendemos que o governo deve focar na criação desses instrumentos que venham coibir e implantar medidas de combate a essas fraudes, isso vai gerar uma economia de 9,8 bilhões nos próximos 12 meses” afirmou.

 

Assessoria

 


Certificado digital mais barato para advogados e contadores. Clique e saiba como adquirir

 

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Vereador João Corujinha se filia ao Progressistas

O presidente da Câmara Municipal de João Pessoa, João Corujinha, que havia deixado o comando do DC na  Paraíba, assinou neste sábado (4), sua ficha de filiação no Progressistas. Corujinha…

Raíssa Lacerda deixa o PSD e vai para o Avante comandado por Genival Matias

Há tempos demonstrando sua insatisfação com o PSD, legenda que ajudou a fundar na Paraíba, a vereadora Raíssa Lacerda anunciou nessa sexta-feira a sua desfiliação da sigla. Já era sabido…