A Paraíba o tempo todo  |

Discurso dos irmãos Cartaxo revelam magoas com Zé Maranhão ao qual acusam de integrar a “velha política”

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

O prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PV) já elegeu, antecipadamente, quem será o ‘culpado’ na hipótese de uma derrota das oposições na disputa pelo governo do estado: o senador José Maranhão (MDB).

 

Esta semana, por ocasião da anunciada dissidência de Manoel Júnior (PSL), seu vice, ele mirou no emedebista, afirmando que Maranhão faz parte da “velha política” e quem “tem sede de poder, ânsia de poder”. Em outras palavras, acusou o senador de dividir a oposição por causa de um projeto pessoal.

 

Não é a primeira vez que ele culpa Maranhão pela desagregação das oposições. Ainda quando postulava deixar a prefeitura de João Pessoa para disputar o governo do estado – o que terminou por não acontecer –, queria o apoio do MDB à sua pré-candidatura. Como o emedebista não abriu mão da disputa, ele passou a dizer que Maranhão teria rachado a oposição.

 

E as hostilidades do prefeito para com seu antigo aliado recrudesceram nos últimos dias por causa da entrada de Maranhão em nichos que seriam do PV e do PSDB. No interior, algumas lideranças desembarcaram da chapa de Lucélio e migraram para o emedebista.

 

 

 

Redação

 


Saiba mais sobre Certificação Digital no Portal Juristas. Adquira seu certificado digital E-CPF ou E-CNPJ com a Juristas Certificação Digital. Entre em contato através do WhatsApp (83) 9 93826000

 

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe