A tradição familiar quase sempre norteia o destino profissional de um cidadão. Quem vem de família de médicos ou políticos geralmente segue os passos dos familiares e também se torna um médico ou político, por exemplo. 

 

No entanto, um dos filhos do senador Cássio Cunha Lima (PSDB) e neto do poeta Ronaldo, Diogo Cunha Lima, não pretende seguir os passos de membros familiares como tios e primos que encontraram na política uma forma de perpertuar um dom genético de lutar pelo povo.

 

 

Formando em Administração de Empresas e com especializações na área, Diogo é empresário de marcas como o Habib’s, Cachaça Talante, banca de revistas, além de ter projetos inovadores a caminho. ""

 

Com quase 30 anos, o jovem é um empreendedor e dá até palestras sobre o tema e revelou ao PB agora se vai trilhar o caminho dos familiares e entrar na política.

 

Indagado se Diogo tem vontade de ser um político, ele negou e disse que não faz parte dos seus planos enveredar por este caminho.

 

 "As pessoas acham que por eu ser filho de Cássio e neto de Ronaldo imaginam que eu vá entrar na política, mas ela não está nos meus planos".

 

Perguntado sobre a cidade de Campina Grande que tem familiares administrando o município, Diogo revelou que ama demais a Rainha da Borborema e que Romero Rodrigues e Ronaldo Filho (PSDB) estão cuidando de forma carinhosa da cidade.

 

"Campina é uma cidade muito querida. Amamos de coração, como Romero e Ronaldo Filho que estão trabalhando com carinho para fazer o melhor possível pelo município", finalizou.

""

Vanessa de Melo

PB agora

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

De malas prontas para o PT, Sandra Marrocos estimula rompimento no PSB

Citada como uma das vozes que estaria pregando a desunião no jardim girassol, a vereadora Sandra Marrocos, atualmente filiada ao PSB paraibano, não tem economizado declarações para apimentar ainda mais…

RC cobra investigação para arrombamento de escritório em JP

O ex-governador da Paraíba, Ricardo Coutinho (PSB), presidente da Fundação João Mangabeira, está cobrando investigação para apurar o arrombamento de seu escritório, em João Pessoa, ocorrido na noite de ontem,…