Por pbagora.com.br

Na presença de RC, Dilma ofereceu o Ministério da Ciência e Tecnologia ao PSB para atrair o partido

 

Durante o encontro ontem (30), no Palácio do Planalto, com os governadores do PSB a presidente Dilma Rousseff (PT) recebeu Ricardo Coutinho, da Paraíba, Paulo Câmara, de Pernambuco, e Rodrigo Rollemberg, do Distrito Federal. Na pauta, da parte da presidente, um pedido de ajuda para que ela possa enfrentar a "pauta bomba" do Congresso, bem como a ameaça de impeachment. Ela também quis intermediar junto ao governadores o desejo de ter um indicado do PSB no comendo do Ministério da Ciência e Tecnologia.

 

Dos governadores, veio a cobrança para que o governo federal dê o sinal verde para que os governos possam contrair empréstimos com instituições financeiras internacionais. No caso da Paraíba, o Estado tenta autorização para contrair US$ 250 milhões com a Corporação Andina de Fomento (CAF), US$ 50 milhões com o Banco Internacional para Reconstrução e Desenvolvimento (Bird), US$ 125 milhões com o Banco Mundial e US$ 125 milhões com o Banco Europeu.

Em reais isso representa mais ou menos, R$ 2,1 bilhões para serem usados em pavimentação de vias e obras hídricas. Ricardo também solicitou que o montante repassado mensalmente para a conclusão das obras hídricas seja elevado dos atuais R$ 5 milhões para R$ 35 milhões. Entre as obras prioritárias destacadas por ele estão o canal Acauã-Araçagi, a reconstrução da Barragem de Camará e sistemas adutores importantes como Boqueirão.

 

Na reunião, tanto Ricardo, quanto Paulo Câmara e Rodrigo Rollemberg afirmaram a disposição de ampliar o diálogo dentro do PSB. Na reunião Dilma fez a oferta para que o PSB fique com o Ministério da Ciência e Tecnologia, a direção nacional se mantém irredutível. Entende que a sigla deve assumir que está na oposição. Para evitar o anúncio precoce, alguns integrantes do partido dizem que é preciso esperar a decisão do TCU sobre as contas de Dilma para ter “argumentos concretos”.

Redação

Notícias relacionadas

Bruno Farias evita debater 2022, mas diz que não faz objeção a nome de Efraim para o Senado

O vereador Bruno Farias (Cidadania), presidente da sigla em João Pessoa, declarou na tarde desta quinta-feira durante entrevista à TV Arapuan, que os debates a respeito da formação da chapa…

Efraim Filho já conta com apoio de 80 prefeitos e fortalece base na busca pelo Senado

Em entrevista, o deputado federal Efraim Filho revelou que já conta com o apoio de 80 dos 223 prefeitos da Paraíba na busca pela disputa por uma vaga no Senado…