O vereador Luciano Cartaxo (PT) recebeu com perplexidade o documento publicado no PB Agora, lançado pela corrente Petista CNB (Construindo um Novo Brasil). No documento a corrente CNB do Partido dos Trabalhadores na Paraíba da qual fazem parte o presidente do diretório municipal Anselmo Castilho, o deputado federal Luiz Couto, o deputado estadual Rodrigo Soares e Adalberto Fulgêncio, dizem claramente que não acreditam no sucesso de um eventual governo Maranhão III.

Para a corrente CNB (Construindo um Novo Brasil), o PT paraibano deve converger para o nome de Ricardo Coutinho como referência para 2010. O documento foi apresentado no último sábado durante encontro estadual do Partido dos Trabalhadores.

“É preciso saber se as lideranças do chamado CNB assinam esse texto. Se o deputado Luiz Couto concorda com esse texto. Gostaria de saber se Rodrigo Soares que fez parte da Caravana da Reconstrução, ele concorda com esse texto, ele assina esse texto?, O presidente municipal do PT Anselmo Castilho, assina esse texto?” desafiou Luciano Cartaxo. 

O vereador petista disse que é importante que as pessoas digam o que estão pensando, para que se comece um dialogo aberto. “O Que me estranha também, é que a maior liderança da CNB,  Zé Dirceu pregou o contrário que está dito neste texto. Zé Dirceu disse aqui que deveríamos ter maturidade, equilíbrio e prudência para poder unificar as oposições. Zé Dirceu veio aqui pregou uma coisa e ao viajar, as lideranças do PT desmancharam tudo”, desabafou Luciano Cartaxo.

Luciano Cartaxo revelou que na visita que o líder da CNB (Zé Dirceu) ficou decidido que o objetivo e desafio do PT paraibano é unificar o discurso e as forças existentes para 2010 na Paraíba. “Zé Dirceu almoçou com Ricardo e Jantou com Maranhão tentando a manutenção do PT/PMDB/PSB para 2010.” finalizou Cartaxo.

O presidente do diretório municipal do PT, Anselmo Castilho confirmou que o documento foi debatido no encontro petista do último sábado é que ele representa o anseio de uma corrente petista que tem força e que ele faz parte, mesmo não se tratando de resolução do PT nem do encontro.

O deputado federal Luiz Couto reconhece o documento como tema de debate, más que ainda deverá ser bastante discutido.

O deputado esatdual Rodrigo Soares e o dirigente petista Adalberto Fulgêncio, não foram encontrados pela reportagem do PB Agora para se manifestarem sobre o assunto.

Clilson Júnior
PB Agora

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Ex-prefeito de Catingueira é condenado por crime de estelionato

O ex-prefeito do município de Catingueira, José Edivan Félix, foi condenado a uma pena de três anos, nove meses e 15 dias de reclusão, por desvio de verbas municipais em…

Análise: Virgolino levanta suspeita sobre arrombamento de escritório de RC

O deputado estadual Wallber Virgolino sugeriu nesta terça-feira (20/08) que o Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado (Gaeco) proceda a investigação sobre o arrombamento do escritório do…