Enquanto discutem um mísero aumento para o Salário Mínimo ainda para 2012, de R$ 560 para R$ 538,15, os homens do poder já poderão começar os trabalhos em janeiro de 2011 com um reajuste salarial de 66%.

Na prática, o salário bruto de cada deputado estadual passaria dos R$ 12,3 mil para R$ 20 mil por mês, a partir do começo do ano que vem.

A previsão é de que o gasto da Assembleia com a folha de pagamento dos deputados estaduais ultrapasse a casa dos R$ 9,3 milhões. O reajuste é extensivo a secretários de estados, vereadores, governadores e a futura presidente Dilma Rousseff.

 

Simone Duarte

PB Agora
 

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Efraim Filho reforça torcida por manutenção de Mandetta na Saúde

O deputado federal Efraim Filho descartou a possibilidade de demissão do ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta. Mandetta tem se mostrado eficaz e necessário diante do enfrentamento à pandemia causada…

Efraim Filho assegura recursos para estados e municípios em meio à Covid-19

Arrecadação vai cair e soluções é ampliar participação da União no FPM e FPE O espraiamento do novo coronavírus, a Covid-19, terá efeitos “nefastos” sobre a economia, impactando na redução…