Por pbagora.com.br

Ao mesmo tempo em que o país enfrenta a crise de saúde, é preciso mobilizar empresas, trabalhadores, universidades e governos para gerar emprego, ocupação e renda para as pessoas na Paraíba. Com esse objetivo, será apresentado amanhã (28), em João Pessoa, o Fórum de Ação em Defesa do Emprego na Paraíba.

“Precisamos unir as pessoas, somar esforços e agir com urgência para definir medidas de curto, médio e longo prazos para combater o desemprego, a falta de renda e a fome das famílias na Paraíba”, defende o deputado federal Ruy Carneiro, articulador da ação.

A finalidade do fórum é reunir representantes dos trabalhadores, do comércio, da indústria, serviços, dos autônomos, das universidades e do poder público para avaliar ações emergenciais que minimizem os efeitos da crise econômica provocada pela pandemia do novo coronavírus.

“Como ficarão as famílias e todos esses indicadores sociais e econômicos, sobretudo os de pobreza, fome e desemprego, após a adoção do isolamento social e do fechamento de milhares de postos de trabalho? Precisamos unir todos os setores para cuidar de soluções para isso”, alerta Ruy.

Segundo Ruy Carneiro, a queda prevista para o PIB do Brasil e da Paraíba, neste ano, deve agravar ainda mais os problemas sociais do Estado. Antes desta crise, em 2019, o trabalho informal na Paraíba já representava cerca de 53,1% dos empregos registrados, segundo o IBGE. Mais da metade da população ativa convivia com o desemprego estrutural e aberto. Uma média maior do que a nacional, de 41,1%.

“Apenas em João Pessoa, nossa principal economia no Estado, 36,4% dos domicílios sobreviviam com rendimentos mensais de até meio salário mínimo por pessoa”, afirma Ruy.

Apresentação FORUM DE EMPREGO ajustes

Assessoria

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Aplicativo para denunciar irregularidades em campanhas começa a funcionar no sábado

No próximo sábado (26) entrará no ar o aplicativo Pardal, criado pela Justiça Eleitoral para receber denúncias da sociedade sobre irregularidades em campanhas eleitorais. O aplicativo existe desde 2014, mas…

Cícero destaca posse de Diego Tavares no Senado: “JP só tem a ganhar”

Após a decisão da senadora, Daniella Ribeiro (Progressistas) de pedir licença por quatro meses, a partir desta quarta-feira (23), quem assume é o 1º suplente, Diego Tavares, mesmo partido. Para…