Por pbagora.com.br

Deputado estadual deixa “em aberto” a possibilidade do seu pai disputar a prefeitura de Patos liderando oposições

 

O líder do PSDB na Assembleia Legislativa, deputado Dinaldinho Wanderley (PSDB) deixou em aberto a possibilidade do seu pai e ex-prefeito de Patos, por dois mandatos, Dinaldo Wanderley (PSDB), encabeçar a chapa das oposições em 2016.  No entanto, já comentou anteriormente que ele seria o melhor nome para evitar a manutenção do Poder Municipal da família Motta. A prefeita da cidade de Patos é a ex-deputada Francisca Motta (PMDB).

 

“Meu pai tem serviços prestados e é uma peça fundamental na política patoense. Os direitos políticos dele foram restabelecidos com toda justiça e em todas as instâncias. O prefeito Dinaldo é um nome fortíssimo. O que eu defendo em Patos é a união das oposições para enfrentarmos a atual prefeita com mais forças”, disse.

 

Dinaldinho destacou que a missão é fortalecer as oposições e escolher um nome de consenso que contemple vários requisitos, não apenas votos.

 

“Vamos liderar as oposições em Patos, mmas não temos um nome escolhido de cima para baixo. Vamos escolher um grande nome e ele virá de forma natural, pode ser Dinaldo ou outra pessoa da oposição. O PSDB irá conversar com todas as forças de oposição e vamos respeitar todas as opiniões. Chegaremos a um nome de consenso, essa é a nossa expectativa.O melhor nome será o escolhido, mas ele terá que ter aprovação em pesquisas internas, opinião pública, que possa agregar valor e possa aglutinar forças políticas e da sociedade da cidade, além de ter potencial de muitos votos", explicou Dinaldinho.

 

O parlamentar destacou que ainda é cedo para bater o martelo sobre o tema, apenas uma coisa é dada como certa: unir as oposições.

 

“O que defendo em Patos é a união das oposições. Temos muitos nomes de vereadores e lideranças que podem encabeçar a chapa. O que precisamos é nos unir em prol de derrotar os desmando naquela cidade”, finalizou.

 

PB Agora

Notícias relacionadas

Pandemia: Bruno Cunha Lima se dispõe para falar em CPI em favor de Bolsonaro

O prefeito de Campina Grande, Bruno Cunha Lima (PSD), em entrevista ao programa ‘Arapuan Verdade, da Rádio Arapuan FM, defendeu que governos estaduais e municipais sejam chamados a depor na…

Romero nega ‘olho grande’ no PTB, mas espera atrair legenda para oposição em 2022

O ex-prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues, que também é o atual presidente do PSD na Paraíba, negou durante entrevista nesta terça-feira (12) uma articulação para ‘abocanhar’ o comando do…