O deputado estadual Anísio Maia (PT) criticou a cobrança de um valor para que os visitantes da praia de Tambaba, localizada na cidade do Conde, possam entrar na praia e deixar seu veículo no local.

 

Para o parlamentar, a cobrança é ilegal e deve ser fiscalizada pelo Ministério Público da Paraíba, além disso, confidenciou que entrou sem pagar por discordar da obrigatoriedade do valor.

 

"Deve ser ilegal uma associação privada cobrando taxas para visitantes entrarem na praia. Me recusei e entrei sem pagar. Tenho certeza que isso é ilegal e o Ministério Público deve averiguar isso. Aquele território é da União, da Marinha e não pode existir isso. Eles querem privatizar a praia. Pagar para ter acesso à praia é ilegal. Imagina se todas as prefeituras fizerem isso? Era só o que faltava?", explicou Anísio Maia.

 

Redação

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Opinião: Eliza estimula suicídio e recrimina discussão sobre violência contra mulher

O cuidado quando se escreve sobre algo ou alguém requer, antes de tudo, certa parcialidade, pois entendo que ser imparcial por completo é algo fantasioso e humanamente impossível de ser…

Ex-presidente do PSL/SE acusa Julian de integrar complô na sigla e trair Bolsonaro

Em entrevista bombástica concedida ao programa Arapuan Verdade, na tarde desta terça-feira (22), o ex-presidente do PSL de Sergipe, João Tarantela acusou o deputado federal paraibano, Julian Lemos (PSL) de…