O delegado Francisco Azevêdo, que proferiu ofensas, em uma rede social, contra mulheres petitas será investigado pela Corregedoria da Polícia Civil da Paraíba por determinação do governador do Estado, João Azevêdo (PSB). A decisão foi anunciada nesta quarta-feira (03), após a repercussão negativa da atitude do servidor público. 

Segundo o governador, a conduta é suficiente para abertura de inquérito

Na postagem, o delegado teria tachado as militantes petistas de “raparigas, safadas e rodadas”.

Na Câmara Municipal os vereadores  Marcos Henriques (PT) e a vereadora Sandra Marrocos (PSB) repudiaram o ato.

Sandra Marrocos disse que pedirá ao governador a exoneração de Francisco Azevêdo cargo de delegado. Já Marcos exigiu providências enérgicas por parte da gestão estadual.

 

PB Agora

 


Veja como adquirir a certificação digital para pessoa física sem burocracia

 

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Pedro evita polemizar imbróglio envolvendo Tovar, Ludgério e Bruno

Presidente estadual do PSDB na Paraíba, o deputado federal Pedro Cunha Lima evitou polemizar, durante entrevista nesta sexta-feira (03), o imbróglio envolvendo os deputados Manoel Ludgério (PSD), Tovar Correia Lima…

Opinião: Manoel Jr busca tirar João Almeida como candidato a prefeito de JP mesmo com aval da Executiva Nacional

Menino não, “bigodete”, como eram chamados todos o adolescente de 13 ou 14 anos de idade. “Bigodete” sim, e com ética e orgulho. O início de um ciclo da “masculinidade”.…