Por pbagora.com.br

Água Branca, Cachoeira dos Índios e Queimadas deixariam de receber recursos do Fundo de Participação dos Municípios (FPM), caso o Governo Federal não tivesse sancionado a proposta de lei que congelou o coeficiente do FPM até a divulgação do Censo 2020. Pelo menos outros 12 municípios seriam prejudicados caso a proposta não fosse aprovada, medida comemorada pelos representantes do movimento municipalista.

 

Secretário-executivo da Federação das Associações de Municípios da Paraíba (Famup), Pedro Dantas disse que a sanção da lei, publicada no Diário Oficial da União (DOU) da última sexta-feira, dá aos municípios mais poder econômico, além de corrigir o erro de projeção populacional do IBGE, que aponta queda no número de habitantes de alguns municípios – diminuindo, assim, os repasses do FPM – quando na verdade há aumento da população.

 

“É uma luta municipalista antiga, mas que só foi sancionada agora. Desde 2010 não se realiza Censo no Brasil. Por questões orçamentárias, o IBGE deixou de fazer e passou a fazer médias, cálculos populacionais, onde apontam que em 90% das cidades do país caiu o número de habitantes, segundo essas projeções. Mas o que vemos, na verdade, é que a população não está caindo, mas sim subindo”, explicou.

 

A cidade de Sobrado, exemplifica o representante da Famup, tem mais de 9 mil habitantes, mas segundo projeções do IBGE está com aproximadamente 7 mil. “A CNM (Confederação Nacional de Municípios), juntamente com as estaduais, começou a fazer alertas de que as cidades estavam crescendo, porém os censos davam queda. O cálculo, feito com uma média das cidades do sul, onde há maior controle de natalidade, não condizia com a realidade do Nordeste e isso prejudicaria o repasse do FPM, que vem baseado na quantidade populacional de cada município”, explicou Pedro Dantas. Com a sanção da lei, os coeficientes estarão congelados até a realização do próximo Censo Populacional, que deve acontecer em 2020.

 

 

Redação

 


Garanta um desconto especial na sua certificação digital no Juristas Certificados Digitais

 

Notícias relacionadas

João Azevêdo se reúne com bancada federal e assegura investimentos para obras na Paraíba

O governador João Azevêdo se reuniu, nesta quarta-feira (24), em Brasília, com a bancada federal paraibana, ocasião em que apresentou as demandas do estado para serem incluídas no orçamento geral…

Leo Bezerra destaca parceria em ações conjuntas entre governo da PB e PMJP

Na tarde desta quarta-feira (24) durante entrevista à Rádio Pop FM, o vice-prefeito de João Pessoa, Leo Bezerra destacou a parceria entre o governo do Estado e a Prefeitura Municipal…