A Paraíba o tempo todo  |

“Ganhar toco”: declaração de vereador em CG vira caso de polícia

Uma declaração de um vereador na cidade de Campina Grande acabou virando caso de polícia, após o parlamentar insinuar que “alguém estaria querendo ganhar um troco ou toco“ durante a sessão de discussão sobre o seu projeto de lei que viabiliza a instalação de postos de combustíveis em redes de supermercados de Campina Grande.

Por conta disso o vereador Alexandre do Sindicato (PSD) afirmou que vai prestar queixa contra o vereador Saulo Noronha (Solidariedade), autor da declaração.

Em entrevista à Rádio Caturité FM, Alexandre disse que é possível notar que muitos vereadores da Câmara Municipal de Campina Grande fazem manobras e tentam inviabilizar a votação de projetos que trazem benefícios para a população campinense.

O vereador declarou ainda que está requerendo documentos de áudio e vídeo do dia da sessão para apresentar a queixa. Ele frisou que o vereador Saulo terá a oportunidade de se retratar publicamente diante do que falou.

Alexandre ainda citou que foi informado por seus seguidores que, no momento em que Saulo lançou a declaração, o vereador que presidia a sessão, João Dantas (PSD), deu um sorriso irônico.

– A queixa é para que o mesmo possa, junto à Justiça, provar que é um vereador que está recebendo troco, ou toco. Espero que ele tenha a humildade de se retratar. Campina Grande precisa saber quem são e como agem os vereadores da Câmara – disse. Alexandre ainda disse que exige providências por parte da mesa diretora da Câmara.

 

Redação

PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe