Por pbagora.com.br

O Instituto Datafolha divulgou na madrugada desta quinta-feira (20/9) uma nova pesquisa de intenção de voto para presidente da República. Jair Bolsonaro (PSL) segue na liderança, com 28%. Em segundo lugar, aparece Fernando Haddad (PT), que cresceu três pontos e chegou a 16%. O candidato petista continua tecnicamente empatado com Ciro Gomes (PDT), que ficou estagnado,com 13%.

No levantamento, encomendado pela Rede Globo e pelo jornal Folha de S. Paulo, foram ouvidas 8.601 pessoas, de 323 municípios entre os dias 18 e 19. A margem de erro é de dois pontos percentuais, o nível de confiança é de 95% e o número de registro no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) é BR-06919/2018.

O ex-governador Geraldo Alckmin (PSDB), que tem quase metade do tempo de TV, está estagnado na pesquisa, com 9%. O tucano aparece empatado com Marina Silva (Rede), que agora tem 7% das intenções de voto.

O instituto também mediu a rejeição dos candidatos. Jair Bolsonaro lidera, com 43% dos eleitores dizendo que não votariam nele em hipótese alguma. Ele é seguido por Haddad, com 29%.

As simulações do Datafolha para segundo turno mostram que Ciro é o único candidato que venceria todos os rivais. Ele bateria Bolsonaro com 45% e com vantagem de seis pontos. Nos outros cenários, Bolsonaro empata com Haddad, Alckmin e Marina.

No conjunto do eleitorado, 40% dizemque podem mudar o voto. Entre eles, 15% indicam Ciro como segunda opção, 13% apontam Marina, 12% optam por Haddad e Alckmin e 11% indicam Bolsonaro.

Redação

 


Garanta um desconto especial na sua certificação digital no Juristas Certificados Digitais

 

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Em Bayeux, parlamentar quer proibir parentes de vereadores em secretarias

Objetivo é evitar conchavos e arrumadinhos políticos O vereador Adriano Martins afirmou que caso venha a concorrer ao cargo de prefeito de Bayeux nas eleições indiretas e vença a disputa,…

Romero propõe subsídio para empresas e evita crise no transporte coletivo em CG

Romero surpreende Conselho de Transporte Público com proposta de subsídio para as empresas de ônibus condicionado a uma bonificação de 100% na passagem para o usuário de coletivo Na prática,…