Por pbagora.com.br

A deputada estadual Daniella Ribeiro, do PP da Paraíba, encabeça a lista dos deputados paraibanos que receberam recursos advindos da JBS, empresa que delatou às autoridades federais o esquema de propina envolvendo políticos em todo o país.

A parlamentar, que é irmã do líder do Governo Temer, Aguinaldo Ribeiro (PP), conforme dados do Tribunal Superior Eleitoral, recebeu a bagatela de R$ 267 mil nas eleições de 2014. Conforme a assessoria os recursos chegavam aos partidos e este era responsável por dividir as doações.

Nas eleições de 2010 Daniella foi eleita com 29.863. Já na disputa pela reeleição o número de votos praticamente dobrou, tendo Daniella sido reeleita com 46.938 Votos.

Além dela figuram ainda na lista dos políticos paraibanos contemplados pelos recursos da JBS o deputado Caio Roberto (PR), filho do deputado federal Wellington Roberto. Ele recebeu a quantia de R$ 202.050,00.

Em terceiro lugar aparece João Gonçalves, do PDT. O parlamentar foi contemplado com R$ 100 mil. O que menos recebeu foi o deputado João Henrique, do DEM.

A fatia para ele foi de apenas R$ 700 (setecentos reais).

Os outros parlamentares beneficiados com os recursos foram: Arnaldo Monteiro (PSC) – R$ 80.350,00; Bosco Carneiro (PSL) – R$ 50 mil e Edmilson Soares (PEN) – 2.639,40.

Confira nota emitida pela assessoria da deputada na íntegra:

 

NOTA DE ESCLARECIMENTO

A propósito de notícia veiculada, na imprensa local, tratando de doações para a campanha de 2014, tenho a esclarecer que tais doações foram destinadas ao partido, que as repassou aos seus candidatos, inexistindo, portanto, qualquer vinculação direta com os doadores.

As referidas doações foram feitas publicamente, declaradas e aprovadas pela Justiça Eleitoral.

Tudo feito na mais absoluta legalidade, na estrita observância das regras de financiamento eleitoral.


PB Agora

 

Notícias relacionadas

Enquanto Couto diz que tem aval da nacional do PT para a Câmara, Frei Anastácio sentencia: “Não fico preocupado”

Após o ex-deputado federal Luiz Couto (PT) informar que conta com o apoio da executiva nacional do partido para voltar à disputa pela Câmara Federal, mesmo sem o apoio público…

Prefeita de Conde diz não ter parentes na gestão e rebate denúncia de nepotismo

A prefeita de Conde, Karla Pimentel, rebateu, neste domingo (16), denúncia feita ao Ministério Público Estadual (MPPB) de suposta prática de nepotismo e contratação de servidores fantasmas na Prefeitura da…