Líder do PP no Senado, e exercendo o seu primeiro mandato, a senadora Daniella Ribeiro (PB) reagiu contrária a aprovação do projeto que acaba com a cota de candidaturas femininas nas eleições proporcionais. O projeto (PL 1256/2019) de autoria do senador Ângelo Coronel (PSD-BA) foi tema da reunião da bancada feminina no Senado. “Não vou aceitar diminuir direitos. Acho isso um absurdo”, disse a senadora.

Um dos argumentos para a criação do projeto é combater a prática de alguns partidos compelirem mulheres a entrar no processo eleitoral apenas para assegurar o percentual mínimo exigido de 30% de candidaturas femininas, prática conhecida como “candidaturas laranjas”. “Acho que temos que combater é o laranjal e não diminuir as cotas. Vou combater esse projeto”, defendeu Daniella, recebendo de imediato apoio de outras senadoras.

O senador Angelo Coronel (PSD-BA) é autor de projeto que acaba com a obrigatoriedade de os partidos destinarem pelo menos 30% das candidaturas para mulheres (PL 1.256/2019). Ele justifica a ideia com a afirmação de que muitos partidos não conseguiram cumprir a regra e lançaram mão de candidaturas laranjas para atender a Lei Eleitoral. As senadoras Rose de Freitas (Pode-ES), Eliziane Gama (PPS-MA) e Simone Tebet (MDB-MS) reagiram à proposta. O relator do projeto, senador Fabiano Contarato (Rede-ES), já se manifestou contrário à proposição, que está na Comissão de Constituição e Justiça.

Redação

 


Certificado digital mais barato para advogados e contadores. Clique e saiba como adquirir

 

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Jackson critica Daniella por contratação de prima por R$ 23 mil no Senado

Usando suas redes sociais o presidente estadual do Partido dos Trabalhadores na Paraíba, Jackson Macedo, comentou recente matéria da coluna do jornalista Lauro Jardim, no portal O Globo, que trouxe…

Hervázio diz que “jamais vai se colocar como um conspirador” no PSB

Ex líder do governo na Assembleia Legislativa no governo de Ricardo Coutinho (PSB), o deputado licenciado e secretário de Esportes, Juventude e Lazer da Paraíba, Hervázio Bezerra (PSB), disse que…