A deputada estadual Daniella Ribeiro (PP) protocolou na Casa de Epitácio Pessoa pedido de licença por 120 dias, sem vencimentos, o que propiciará a posse do suplente da sua coligação Vital Costa (PP). A parlamentar entra de licença sem remuneração a partir da próxima quarta-feira (30).
Diferente de outros parlamentares, a irmã do Ministro Agnaldo Ribeiro foi original e saiu da mesmice de outros deputados que sempre alegavam em tais casuísmos questões de saúde.

De acordo com o Regimento interno da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), Vital Costa sem 15 dias para assumir o mandato após a publicação da licença da deputada no Diário da ALPB, mas segunda o suplente, ele deve começar a exercer as atividades parlamentares ainda esta semana.

Com a saúde perfeita,  a filha de Enivaldo Ribeiro teve que encontrar outro argumento para pedir licença. A justificativa de Daniella – “para resolver demandas externas e tratar de assuntos pessoais” – inaugura um novo modo de pedir na AL abrindo um precedente fenomenal para que seus colegas, a imitando, possam assim agir doravante.

A licença deve contar a partir desta quarta-feira (30) e a deputada fez hoje um balanço do mandato, quando apresentou 15 projetos para serem apreciados e votados durante a sua ausência.

O jornalista Marcos Marinho de Campina Grande apurou que Daniella Ribeiro irá ao Japão, em viagem de descanso e reciclagem internacional.

 

Redação

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Fatores que prejudicaram muito o bom desempenho da gestão de João Azevêdo

O governador João Azevêdo não teve muita sorte neste primeiro momento do seu mandato, de modo que, com certeza, não terá como fazer uma gestão dentro das expectativas dos paraibanos…

Zennedy Bezerra desiste de candidatura para atuar contra o coronavírus na PMJP

O combate ao Covid-19 fez com que o secretário Zennedy Bezerra (PV) desistisse de deixar seu cargo na Secretaria de de Desenvolvimento Urbano de João Pessoa. Por lei, o secretário…