Por pbagora.com.br

A saída do senador Raimundo Lira (PSD) da disputa pela reeleição na chapa de Lucélio Cartaxo (PV), acentuou a exclusão que a sigla vem sofrendo na chapa do irmão do prefeito de João Pessoa.

Para o pré-candidato a deputado federal, Inaldo Leitão (PSD), o partido não tem mais espaço na chapa.

Inaldo declarou que deverá sugerir, durante reunião, o reposicionamento do partido na eleição desse ano.

“Não há mais espaço para o PSD na chapa de Lucélio Cartaxo, e a partir de agora a legenda deverá iniciar os diálogos com o senador José Maranhão (MDB) e com o candidato governista, João Azevedo”, revelou Inaldo Leitão.

Mesmo  integrando os quadros do PSD, Inaldo Leitão já declarou que não apoia a pré-candidatura de Lucélio. Em vez disso, é favorável a pré-candidatura do candidato do governo, João Azevêdo.

PB Agora

Certificado digital mais barato para advogados e contadores. Clique e saiba como adquirir

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Avante declara apoio a pré-candidatura de Ana Cláudia à Prefeitura de Campina

O presidente da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), Adriano Galdino (ainda no PSB), falou nesta sexta-feira (14) sobre as eleições municipais em Campina Grande. Em entrevista a uma emissora de…

Preso em operação do MPPB nesta sexta, prefeito de Camalaú é solto e população o recebe com aglomeração

Alecsandro Bezerra dos Santos (o Sandro Moco), prefeito do município de Camalaú, no Cariri da Paraíba, que foi preso na manhã desta sexta-feira na Operação Rent a Car, do Ministério…