A Paraíba o tempo todo  |
PUBLICIDADE

Crise na direita? Nilvan rebate Carlão e mantém pré-candidatura à PMJP

O comunicador Nilvan Ferreira (PL) respondeu às declarações do vereador Carlão (PL) sobre sua possível candidatura à Prefeitura de João Pessoa em 2024. Carlão havia afirmado que seria necessário “oxigenar a direita” e apontou o nome do deputado federal Ruy Carneiro (PSC) como possível candidato.

Em entrevista ao programa Correio Debate da 98 FM, Nilvan reafirmou sua candidatura e confirmou que a direita paraibana terá mais de um nome na disputa pela prefeitura da capital. “Os nomes que a direita tem para discutir, esses nomes vão estar na mesa. Meu nome está posto e assim como em 2020, Carlão votou em Walber, pode ser que agora, Carlão vote em Walber novamente e Nilvan seja candidato a prefeito, porque minha decisão de ser candidato não depende do gosto do vereador”, disse Nilvan.

O comunicador também respondeu à possibilidade de uma aliança entre o deputado estadual Walber Virgolino (PL) e o atual prefeito da capital, Cícero Lucena (PP), sugerida por Carlão. “Eu não vejo a direita votar em Ruy Carneiro, por que Ruy Carneiro não representa o sentimento de direita e também não vejo nenhuma possibilidade, aí esse palanque não me tem de forma nenhuma, da direita fazer uma aliança com Cícero Lucena”, finalizou.

As declarações de Nilvan Ferreira e Carlão sobre as possíveis candidaturas à Prefeitura de João Pessoa em 2024 mostram o atual cenário político da capital paraibana, com a disputa entre diferentes nomes da direita.

    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe