Por pbagora.com.br

Depois do prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues (PSDB), agora foi à vez do presidente da Câmara Municipal de Juripiranga, Silvano Cabral, que é filiado ao PSD, declarar que não acredita em um rompimento político entre o vice-governador Rômulo Gouveia (PSD) e o senador Cássio Cunha Lima (PSDB), nas eleições estaduais deste ano.

Silvano Cabral destacou que, assim como a vereadora de João Pessoa, Raíssa Lacerda (PSD), também torce pela candidatura do senador Cássio Cunha Lima. Ele acredita que a maioria dos filiados defende o nome de Cássio para o Governo e, essa maioria deverá ser ouvida pelo partido no momento decisivo.

A crença do presidente da Câmara na reconciliação política entre Rômulo e Cássio aconteceu uma semana após a festa de São Sebastião, realizada na cidade e que contou com a presença do vice governador.

“Ele falou que ficaria com o governador em qualquer cenário, mas acho que ele se arrependeu”, disse.

Márcia Dias


PB Agora

Notícias relacionadas

Cida trata saída do PSB e possível ida para o PT como especulação

A deputada estadual Cida Ramos, do PSB, negou que esteja de malas prontas para o PT no intuito de disputar à reeleição para uma cadeira da Assembleia Legislativa da Paraíba…

Opinião: mesmo com negacionismo de Bolsonaro, JP e a PB dão exemplo contra a covid

O poeta russo Vladimirovitch Maiakovski certa vez escreveu: “Não estamos alegres, é certo, mas também por que razão haveríamos de ficar tristes? O mar da história é agitado. As ameaças…