O presidente Jair Bolsonaro (PSL), que se encontrou com governadores, entre eles o gestor estadual paraibano João Azevêdo (PSB), nesta sexta-feira (24), em Recife, colocou como fator determinante para o apoio do governo federal através do Plano Regional de Desenvolvimento do Nordeste (PRDNE), a aprovação da reforma da Previdência.

Em seu discurso, Bolsonaro fez um apelo aos governadores de que apoiem a referida reforma, já que, segundo ele, sem a mesma não há como colocar em prática o que ficar acertado durante a reunião.

"Faço um apelo aos senhores governadores: temos um desafio pela frente, que não é meu, também é dos senhores, governadores e prefeitos, independente da questão partidária é a reforma da Previdência, sem a qual não podemos sonhar em colocar em prática parte do que nós estamos acertando aqui neste momento. Faz justiça a reforma da Previdência: cobra menos de quem tem menos e cobra mais de quem tem mais. E com suas adequações que serão feitas, talvez, no parlamento, não gostaríamos, mas se for alterado, é mais do que um direito, é legítimo do parlamento fazer alterações, possamos então sonhar com uma economia que rode a máquina e através dela ter recursos para colocar o país no rumo do desenvolvimento”, disse.

PB Agora

 


Certificado digital mais barato para advogados e contadores. Clique e saiba como adquirir

 

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Tibério sobre crise no PSB: “Sou da ala que entende que, com os espíritos desarmados, contornamos essa situação”

Ao ser indagado sobre a crise existente entre a ala do governador da Paraíba, João Azevêdo (PSB) e do ex-governador Ricardo Coutinho (PSB), o vereador pessoense Tibério Limeira – que…

Veneziano lamenta decisão de Bolsonaro de reter recursos da transposição 

Em pronunciamento na Tribuna do Senado, o Senador Veneziano Vital do Rêgo (PSB-PB) repudiou a postura do Governo Federal de descumprir um compromisso com o governador João Azevedo (PSB), e…