O plenário da Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP) aprovou, na manhã desta quarta-feira (20), Projeto de Lei Ordinária (PLO) que prevê a transmissão ao vivo pela internet, além da gravação em áudio e vídeo, de processos licitatórios realizados na administração pública direta, indireta, autárquica e fundacional, bem como no Poder Legislativo Municipal. A matéria exclui apenas o pregão eletrônico na internet.

A norma, de autoria do vereador Eduardo Carneiro (PRTB), prevê que o processo de escolha da empresa apta a ser contratada pela administração para o fornecimento de produtos ou serviços seja transmitido ao vivo e gravado, contendo: abertura dos envelopes contendo a documentação relativa à habilitação dos concorrentes; verificação das propostas com os requisitos do edital e julgamento; e a classificação de acordo com os critérios de avaliação.

A gravação, contendo os referidos passos, deve ser arquivada no departamento competente do órgão que realizou o processo, bem como disponibilizada para consulta pública, no link da transparência, no site oficial do Município.

De acordo com o propositor, o projeto vai facilitar o acesso dos cidadãos às informações e tornar mais democrática e estreita as relações entre o Estado e sociedade civil. “Será mais uma arma no controle dos gastos públicos”, justificou Eduardo Carneiro.

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

João exalta parceria com prefeituras: “O nosso partido hoje é contra o coronavírus”

Nesta sexta-feira, dia 05, o governador João Azevêdo exaltou a parceria entre o governo do Estado e algumas prefeituras paraibanas, mesmo aquelas que não possuem o mesmo posicionamento político, com…

Baixa: Eduardo Carneiro decide romper com Cartaxo em JP

O deputado estadual Eduardo Carneiro (PRTB) decidiu romper politicamente com o prefeito Luciano Cartaxo e a partir de agora não integra mais o grupo que dá sustentação à gestão municipal. …