Com a presença do prefeito Romero Rodrigues (PSDB), a Câmara Municipal de Campina Grande realizou nesta terça-feira (15), uma sessão especial para homenagear o dia dos professores comemorado neste dia 15 de outubro e os 149 anos de emancipação política de Campina Grande. A propositura é de autoria dos vereadores Antonio Lula Cabral aprovada por unanimidade, e Nelson Gomes.

 

A sessão solene realizada no Plenário da Casa, às 10 horas, contou com participação de políticos, empresários professores entre outros. Durante a sessão, o prefeito Romero assinou a ordem de serviço para a construção de novas creches na cidade.

Na Tribuna, Romero fez um balanço dos 9 meses de gestão, sob olhos críticos dos vereadores de oposição. Romero foi recebido pelo presidente da Casa Nelson Gomes e disse que era sempre uma alegria voltar a Casa que lhe projetou na politica e onde ele começou a vida pública. Vários vereadores governistas cumprimentaram o prefeito. Em compensação, alguns vereadores de oposição reagiram com indiferença.

 

O vereador Napoleão Maracajá que é presidente do Sindicato dos Trabalhadores Públicos Municipais do Agreste da Borborema (Sintab) já comandou duas greves dos professores este ano, alegando falta de cumprimento dos acordos estabelecidos com a prefeitura da cidade. Campina Grande conta com cerca de mil professores efetivos.

 

Durante a sessão,foi entregue medalha de Honra ao Mérito Municipal à professora Jonilda Alves Ferreira pelos relevantes serviços prestados ao município no setor da educação. Vários vereadores também foram a tribuna para parabenizar os professores. O Coral formado por alunos da Escola Municipal Maria Cândida cantou os hinos nacional brasileiro e do município de CG.

 

PBAgora

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Filho de Bolsonaro ironiza Julian Lemos e posta foto embaraçosa com o rosto do parlamentar

O deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL) usou seu perfil numa rede social para ironizar o seu colega de partido e também deputado federal Julian Lemos, do PSL da Paraíba. Eduardo…

João Azevêdo nega falta de diálogo e deixa portas do Palácio abertas para a base: “Essa crítica não me cabe”

O governador da Paraíba João Azevêdo garantiu ter deixado as portas do Palácio da Redenção abertas para os deputados estaduais que fazem parte da sua base na Assembleia. De acordo…