Cícero: Quem primeiro apostou em Ruy fui eu. Não há a menor possibilidade de divisão entre mim e ele

O senador Cícero Lucena (PSDB) negou qualquer possibilidade de estremecimento político com o deputado federal Ruy Carneiro (PSDB) e desmentiu os boatos de que a relação entre ambos foi prejudicada por uma suposta disputa interna pela vaga de senador em 2014. As declarações foram dadas na TV Master.

 

“Não há a mínima possibilidade de divisão entre mim e Ruy. Quem tiver apostando nisso vai quebrar a cara. Quem primeiro que apostou em Ruy fui eu. E contrariando a muitos”, disse Lucena.

 

Vou pedir ao povo da Paraíba a chance de voltar ao Senado. Precisarei do apoio Ruy e de todos os companheiros do partido. Mas vamos conversar sobre essas definições partidárias no tempo apropriado, declarou Cícero, que reafirmou sua postulação à reeleição em 2014.

Eles (PSB) dizem “já que Cícero não se curva as nossas exigências, vamos substituí-lo outro nome do PSDB. Aí lembram de Ruy, que sempre criticaram”, lembrou.

 

/

Para Lucena, “com a candidatura de Cássio não há necessidade de plano B para nós. Trabalhamos com o plano CC, Cássio e Cícero, como foi em 2006”.

 

“Se você fizer hoje qualquer pesquisa de opinião para a sucessão pelo governo o candidato mais citado é Cássio. Se fizer para o Senado é Cícero. É a chapa do desejo do povo”, ratificou.

 

O senador também lamentou a saída de alguns ex-tucanos dos quadros do PSDB, em especial a do ex-secretário geral do PSDB João Fernandes para o PSB. Cícero revelou que “ela foi motivada pela filiação de Dunga Júnior, que será candidato a deputado estadual na mesma base eleitoral de Fernandes, na região de Boqueirão”.

 

Já em relação ao seu ex-aliado, Hervázio Bezerra, Cícero disse que o deputado foi sensato ao se filiar ao PSB: “Não havia sentido em Hervázio ficar no PSDB sendo líder do governo do PSB durante três anos. Achei a decisão dele muito sensata”, afirmou.

 

 

Ytalo Kubitschek

PB Agora

 

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Já são três os secretários de Romero que miram disputa pela PMCG

A disputa eleitoral da Prefeitura Municipal de Campina Grande em 2020 deve dividir a base do prefeito Romero Rodrigues (PSD). Pelo menos três secretários de Romero garantem que são pré…

Dra. Paula não consegue licença médica de 121 dias e Jane Panta não assume

A junta médica da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), frustrou os planos da suplente Jane Panta (Progressistas) de assumir a cadeira da deputada titular Dra. Paula (Progressistas) que havia solicitado…