Uma proposta de reforma eleitoral de autoria do senador Cassio Cunha Lima (PSDB) tem provocado inúmeras polêmicas na internet, principalmente nas redes sociais.

O projeto, que tenta impedir a contratação de pessoas ou empresas por partidos políticos para denegrir adversários, foi interpretado por populares e até pela própria OAB, como sendo uma lei de censura.

O senador paraibano disse, em um pronunciamento na internet, que houve um grande equívoco com relação à interpretação da proposta.

– Em primeiro lugar não há nenhum tipo de tentativa de censura. Eu tenho uma firme formação democrática, participei da Assembleia Nacional Constituinte e tenho uma trajetória da defesa das liberdades individuais, portanto o que está havendo é uma profunda distorção. As pessoas vão continuar expressando livremente as suas opiniões. Seria um absurdo pensar em censura e tudo o que está se fazendo é na verdade a tentativa de distorcer aquilo que foi aprovado pelo Congresso Nacional e não é uma tentativa exclusiva minha – afirmou Cássio Cunha Lima.

Redação com paraibaonline

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

João realiza visitas técnicas e anuncia investimentos em Alhandra

O governador João Azevêdo realizou, neste sábado (19), visitas técnicas às obras de construção de uma unidade escolar e do Centro de Distribuição do Magazine Luiza, no município de Alhandra.…

Jackson Macêdo é reeleito presidente estadual do PT da PB

A etapa estadual do 7º Congresso Nacional do PT – Lula Livre, definiu novas diretrizes as lutas políticas do Partido dos Trabalhadores na Paraíba (PT/PB). O encontro aconteceu neste sábado…