Por pbagora.com.br

Atual secretário de Turismo e do Desenvolvimento Econômico da Paraíba, vice-prefeito de Sousa, Zenildo Oliveira (PSD) foi o primeiro líder político a sair em defesa do prefeito Fábio Tyrone (PSB) após as acusações de agressão contra a advogada Myriam Gadelha, com quem o Tyrone mantinha um relacionamento amoroso. 

Para Zenildo, a briga de casal não deveria ser tema dos noticiários políticos e deve ser resolvido no Judiciário entre as partes envolvidas sem sensacionalismo. 

"É preciso separar. O CPF de Fábio Tyrone como cidadão, que pode ter cometido uma infração, do seu trabalho exemplar como prefeito de Sousa. A vida pública de Fábio é limpa. Estão tentando atacá-lo politicamente com esse episódio porque não podem comparar a nossa gestão com a deles", afirmou. 

Ainda conforme Zenildo, o prefeito reconheceu que errou e o Poder Judiciário é quem dará o veredito. 

"Além de um prefeito honesto, Fábio é um homem de bem, bom pai de família, um empreendedor que sempre gerou empregos e nada disso está sendo levado em consideração porque tentam escandalizar o assunto como uma tentativa de desgastar a nossa gestão. Ninguém tem o direito de condená-lo por antecipação antes que o processo seja transitado", enfatizou. 

PB Agora

 


Saiba mais sobre Certificação Digital no Portal Juristas. Adquira seu certificado digital E-CPF ou E-CNPJ com a Juristas Certificação Digital. Entre em contato através do WhatsApp (83) 9 93826000

 

Notícias relacionadas

“Está com as mãos sujas de sangue”, diz petista ao culpar Bolsonaro por mortos na pandemia

Ao fazer uma análise sobre os números alastrantes de mortes por Covid-19, no Brasil o vereador pessoense Marcos Henriques (PT), tem um culpado e esse se chama o presidente da…

Aguinaldo Ribeiro solicita que Câmara vote proposta de auxílio ao setor de eventos nesta 4ª

O deputado federal e líder da Maioria na Câmara, Aguinaldo Ribeiro (Progressistas) solicitou na manhã desta quarta-feira (03) que a votação do Projeto que cria o Programa Emergencial de Retomada…