Por pbagora.com.br

Malu Vinagre (PROS), candidata que recebeu R$ 500 mil da direção nacional do PT para investir na sua campanha, recebeu apenas 737 votos na eleição deste domingo.

Ela é irmã do deputado federal André Amaral (PROS) que também não obteve um retorno positivo nas urnas, com 14.913 votos, não foi reeleito à Câmara Federal.

A doação recebida por Malu foi motivo de polêmica, já que nem todos os candidatos do PT receberam recursos do partido e os que receberam não conseguiram um valor bem inferior ao conseguido pela candidata.

PB Agora

 


Saiba mais sobre Certificação Digital no Portal Juristas. Adquira seu certificado digital E-CPF ou E-CNPJ com a Juristas Certificação Digital. Entre em contato através do WhatsApp (83) 9 93826000

 

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Eleições 2020: PMCG tem pelo menos dez pré-candidaturas no páreo

A menos de três meses das eleições, a disputa pela prefeitura de Campina Grande já conta com pelo menos dez pré-candidaturas à sucessão municipal, mas nem todas  deverão se viabilizar…

Cícero diz que não teme inelegibilidade: “Tenho a tranquilidade de que serei candidato”

Apesar de ainda apresentar pendências jurídicas junto ao Tribunal de Contas da União, que acabam colocando em xeque a viabilidade do seu nome para encarar a disputa pela prefeitura de…