Por pbagora.com.br

As atividades na Câmara Municipal de João Pessoa prometem ser bastante intensas este segundo semestre na discussão de temas dos mais variados e até polêmicos que envolve o cotidiano da cidade. Entre as questões a serem debatidas está a regulamentação da profissão das pessoas que trabalham como flanelinhas nas ruas da cidade.

“Vamos discutir com a Procuradoria do Trabalho a possibilidade de regulamentar essa profissão, com carteira assina e todos os direitos trabalhistas. E evitar, com isso, que os flanelinhas vivam na clandestinidade, sem direito a nada”, comenta vereador Mangueira (PMDB).

O aumento do número de crianças e adolescentes nas ruas, pedindo esmolas, consumindo drogas, praticando roubos e abordando pessoas nos semáforos. É o assunto que será levando ainda essa semana pelo vereador Felipe Leitão (PRP).

“É um problema antigo que o Poder Público fechou os olhos e naõ toma providências para mudar essa realidade. Criança tem que está nas escolas, longe das ruas e da violência. Vamos realizar uma sessão especial, com a participação de conselhos tutelares e profissionais de educação, para debater esse problema”, afirmou.

Já o vereador Benilton Lucena (PT) vai propor a prefeitura que qualifique as unidades de saúde da cidade para atender casos da gripe A (vírus H1N1). Já existe, inclusive, uma audiência pública marcada para discutir o assunto.

O vereador Marcos Vinícius (PSDB) também vai cobrar da Prefeitura aumento das equipes das unidades de saúde da família, equipamentos mais modernos para os hospitais e melhores condições de trabalho para os professores dos municípios. “A educação e saúde são questões que precisam ser quase que diariamente renovadas”, ressaltou.

Ainda entre os temas que dizem respeito a saúde pública, está o projeto de lei que pretende a melhoria da qualidade da água com aumento do teor de fluor para diminuir o índice de carie na população pessoense que, está em tramitação na Casa e pode ir a qualquer momento para votação em plenário. “A fluoretação das águas de João Pessoa já recebeu, inclusive, o apoio do presidente da Companhia de Água e Esgotos da Paraíba (Cagepa), Edísio Souto. A nossa intenção é de que a Cagepa forneça água de qualidade, com teor de fluor para prevenir caries e outros problemas dentários. Em algumas cidades a medida já foi adotado e o índice de problemas dentários caiu em 60%”, assegura.
 

O Norte

Notícias relacionadas

Senador Veneziano reafirma compromisso com a reeleição de João

O Vice-Presidente do Senado Federal, Senador Veneziano Vital do Rêgo (MDB-PB) voltou a reafirmar nesta segunda-feira (12), durante entrevista concedida em João Pessoa, o seu compromisso com a reeleição do…

Em 100 dias de governo, gestão Bruno em CG conquista aprovação de 74,4%

Levantamento também aponta 84% de avaliação positiva à maneira do prefeito governar e 87% de boas expectativas da cidade para os próximos quatro anos de administração municipal Pesquisa de opinião…