Por pbagora.com.br

 A manhã desta terça-feira (27) deve ter uma votação polêmica na Câmara Municipal de João Pessoa. É que está na pauta do dia a apreciação do Projeto de Resolução que propõe a transcrição nominal e de conteúdo do voto aberto apresentado pelos parlamentares.

 A matéria, de autoria do vereador Marco Antonio (PHS), propõe que os registros estejam constados em ata, com divulgação para consulta popular no site da Casa de Napoleão Laureano (www.cmjp.pb.gov.br) no prazo de até 24 horas.

O projeto propõe a inclusão de dispositivos em dois artigos (119 e 127) do Regimento Interno da CMJP. De acordo com o vereador Marco Antonio, o presente projeto pretende fortalecer as ações já realizadas pela Câmara Municipal na área da transparência pública, “tendo em vista que a população de João Pessoa deve possuir cada vez mais ferramentas para acompanhar o trabalho de seus representantes”.

Marco Antonio disse ter recebido garantias dos vereadores postulantes ao comando da próxima Mesa Diretora de que, além do seu projeto, outras ferramentas de transparência pública serão inseridas no processo legislativo da Casa de Napoleão Laureano.

“Além da divulgação e transcrição dos votos dos vereadores, a população terá disponível ferramentas de participação efetiva, que garantirão o acompanhamento da tramitação do que está sendo proposto na Câmara, com canais de interação direta com os vereadores, inclusive, para sugerir alterações ou emendas. Esse foi um pedido pessoal nosso, com o aval positivo dos colegas que comporão as próximas Mesas”, garantiu o parlamentar.

 

 

Redação

Notícias relacionadas

Inclusão social: João entrega ginásio do Instituto dos Cegos

O governador João Azevêdo esteve, nesta segunda-feira (17), no Instituto dos Cegos da Paraíba Adalgisa Cunha (ICPAC), em João Pessoa, ocasião em que entregou o ginásio paradesportivo José Belarmino de…

Prefeita de Conde diz não ter parentes na gestão e rebate denúncia de nepotismo

A prefeita de Conde, Karla Pimentel, rebateu, neste domingo (16), denúncia feita ao Ministério Público Estadual (MPPB) de suposta prática de nepotismo e contratação de servidores fantasmas na Prefeitura da…