Câmara Legislativa da terra natal do governador quer adotar ‘Ficha impa’ para administração

O vereador Adailson Bernardo (PSB) protocolou, na última sessão da Câmara dia 12 de novembro, Projeto de Lei complementar que versa sobre a nomeação de cidadãos em cargos comissionado que tenham contra si condenação em julgamento ou proferida por órgão colegiado: os chamados “ficha sujas”.

O projeto nada mais é que uma adequação da lei Federal 135 de 4/06/2010, conhecida como "Ficha Limpa", aplicando aos servidores públicos dos Poderes Executivo e Legislativo o mesmo que a lei eleitoral impõe aos candidatos a vereadores, prefeitos, governadores, etc”, explicou.

Ainda Segundo o vereador: Após aprovação em concurso público é obrigatória a apresentação de certidões e há necessidade de uma série de exigências.

“Nada mais justo que para tomar posse seja exigido que os cargos comissionados devam também atender a requisitos moralizadores. Tenho a certeza que este projeto dará mais credibilidade e transparência ao poder público, dando proteção a probidade administrativa e a moralidade", afirmou o vereador.

Estão entre os crimes passíveis de punição, o que forem praticados: contra a economia popular, a fé pública, a administração pública e o patrimônio público; contra o patrimônio privado, o sistema financeiro, o mercado de capitais e os previstos na lei que regulamenta a falência; contra o meio ambiente e à saúde pública; eleitorais, para os quais a lei comine pena privativa de liberdade; de abuso de autoridade; de lavagem ou ocultação de bens, direitos e valores; de tráfico de entorpecentes e drogas afins, racismo, tortura, terrorismo e hediondos; de redução à condição análoga a de escravo; contra a vida e a dignidade sexual; e praticados por organização criminosa, quadrilha e bando.
 

Redação

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Em Teresina, João assegura expansão do app ‘Preço da Hora’ para todo o NE

O aplicativo ‘Preço da Hora’, implantado recentemente na Paraíba, será expandido para todos os Estados do Nordeste. A garantia foi dada ao governador João Azevêdo pelos demais gestores da região,…

Licença curta de titular frustra sonho de suplente assumir mandato na ALPB

Sem afastamento para tratamento de saúde, Manoel Ludgério frustrou as pretensões da primeira dama de Santa Rita e Jane Panta assumir mandato na Assembleia Legislativa da Paraíba. É que o…