O presidente Jair Bolsonaro (PSL) se irritou e encerrou abruptamente uma entrevista coletiva na manhã desta terça-feira (27). Na saída do Palácio da Alvorada, após ser questionado sobre se pretendia se retratar no comentário sobre a primeira-dama francesa Brigitte Macron, o presidente afirmou que os jornalistas “não merecem a consideração” antes de entrar no carro em direção ao Palácio do Planalto.

Durante o fim de semana, Bolsonaro respondeu um comentário postado em suas redes sociais. Um seguidor postou uma montagem da francesa e da esposa de Bolsonaro, Michelle Bolsonaro, com a legenda “agora entende por que Macron persegue Bolsonaro?”. Em resposta, Bolsonaro publicou: “Não humilha cara. Kkkkkkk”.

O presidente desconversou sobre o comentário em que ria. “Eu não botei aquela foto. Foi alguém que botou a foto lá e eu falei pra ele não falar besteira”, se defendeu. Questionado sobre os risos no comentário, disse que não se metia na questão familiar e, após a insistência dos repórteres sobre os risos na postagem, ameaçou encerrar a entrevista.

“Tchau pra vocês”, disse irritado o presidente. Ao chegar na porta do carro que o esperava, Bolsonaro completou: “Realmente o jornalismo, vocês não merecem a consideração”, completou antes de bater a porta do carro.

Yahoo Notícias

Total
1
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

“Não vamos desistir”, diz Wilson Filho sobre tolerância em estacionamentos

O deputado estadual Wilson Filho (PTB), presidente da Frente Parlamentar em Defesa do Consumidor, lamentou a falta de interesse dos shoppings em construírem um consenso junto à Frente e aos…

Deputados concluem votação da Nova Lei de Licitações, e projeto segue para o Senado

O Plenário da Câmara finalizou, na noite desta terça-feira (17), a votação dos destaques da Nova Lei de Licitações. O texto agora para análise dos senadores. Entre outros pontos a…