Preste a anunciar o seu novo partido, o ex deputado Bruno Cunha Lima pode se isolar e dividir a base governista em Campina Grande. Após a saída de Bruno da chefia de Gabinete da Prefeitura de Campina Grande, aumentou os rumores de que o ex deputado poderia se filiar ao MDB do senador José Maranhão. Bruno tem evitado falar sobre a filiação à sigla emedebista. Independente do partido a que irá se filiar, Bruno garante que será candidato a PMCG, e ainda espera pelo apoio do atual prefeito Romero Rodrigues (PSD).

Recentemente o deputado estadual Raniery Paulino (MDB) comentou sobre os rumores de que Bruno Cunha Lima pode vir a disputar a Prefeitura de Campina Grande em 2020 pelo MDB e disse que espera que os rumores se tornem realidade.
Ele destacou, em entrevista à Rádio Caturité FM, que tem conversado com Bruno sobre o assunto e citou que o mais importante será “consensuar interesses” e respeitar a posição que ele venha a tomar.

– Os rumores procedem e estou desejando que os rumores virem realidade e não fake. Já conversei várias vezes com Bruno sobre isso. Temos que respeitar as posições pessoais de cada um e procurar consensuar os interesses – disse.

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Julian Lemos admite reaproximação do PSL com Planalto

O deputado federal Julian Lemos, do PSL da Paraíba, em entrevista ao portal O Antagonista confirmou a reaproximação do partido com o governo de Jair Bolsonaro. Julien que até a…

Deputado pede suspensão da ação de privatização da Fortaleza de Santa Catarina

“Ao invés de privatizar essa parte da memória do Brasil, os poderes públicos, a começar pela Prefeitura de Cabedelo, deveriam cumprir seu papel constitucional e se juntarem à população na…