Fora da cena política, mas já pavimentando estrada para o futuro, o ex governador da Paraíba Ricardo Coutinho (PSB), concedeu entrevista a imprensa nacional, nessa quinta-feira (04), em que falou , sobre temas como a Reforma da Previdência em curso no Congresso Nacional, a segurança pública, além do papel da esquerda brasileira.

Na entrevista, Coutinho ainda relatou um pouco das suas conversas com lideranças como Fernando Haddad (PT), Guilherme Boulos (PSOL), Flávio Dino e Manuela d'Ávila (PCdoB) na formação de um Observatório da Democracia, que visa acompanhar as ações do governo, e propor soluções, que formam uma organização supra-partidária.

Temas como economia, a Reforma da Previdência, a atual subserviência do governo aos EUA, Lava Jato, o pacote anticrime de Sérgio Moro, além de seu papel na recuperação de índices da segurança pública da Paraíba também permearam o bate papo. 

Para ele, os retrocessos dos últimos anos o fazem crer que a solução para o país seria um “choque” de esclarecimento, conhecimento e formação de novas ideias e políticas que proporcionem o “avanço”.

“O que o Brasil precisa talvez seja um choque iluminista. Nós regredimos tanto, mas tanto nos últimos anos que essa coisa está assustando todo mundo. É preciso ter um investimento no campo das ideias para que as pessoas voltem a formular, a ter um senso crítico, a fazer uma caminhada na vida que simbolize avanços porque a humanidade existem em função disso”, ponderou.

Se você não assistiu ainda, o PB Agora traz na íntegra a entrevista abaixo. ASSISTA

PB Agora


Veja como adquirir a certificação digital para pessoa física sem burocracia

 

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Veneziano representa o Senado em evento de Turismo realizado em João Pessoa

O Senador Veneziano Vital do Rêgo (PSB) esteve nessa sexta-feira (18), ao lado do governador da Paraíba, João Azevêdo (PSB), participando da abertura da 9ª edição do JPA Travel Market,…

Meta é trabalhar: João diz que ainda não pensou em um possível 2º mandato

Ainda é muito cedo para que o governador da Paraíba, João Azevêdo (PSB) possa pensar em uma possível reeleição. Marinheiro de primeira viagem, o gestor exerce o seu primeiro mandato…