Por pbagora.com.br

"Gilma

REVIRAVOLTA: poder de articulação de RC tenta descartar Nonato do comando do PPS e emplacar aliado na direção

 

Uma reviravolta nas articulações internas do PPS pode abortar a formação da comissão eleitoral da legenda na Paraíba que está agendada para esta terça-feira (17).

Um suposto acordo entre o governador Ricardo Coutinho e o presidente nacional do PPS, Roberto Freire, efetivaria os deputados estaduais Hervázio Bezerra e Iraê Lucena como filiados da legenda, contabilizando três deputados filiado à sigla no Estado e evitando assim uma intervenção por falta de representatividade.

Uma das teses é que o deputado Hervázio Bezerra seria alçado ao comando do PPS na Paraíba, abortando a ascensão de Nonato Bandeira à presidência da legenda. Caso a articulação seja concretizada, outro filiado que poderia desembarcar na legenda é o ex-prefeito Buba Germano, que vai competir em 2014 a uma das vagas na Assembleia Legislativa da Paraíba.

A articulação do governador da Paraíba pode impedir o vice-prefeito de João Pessoa, Nonato Bandeira (PPS) de aceitar o desafio da deputada Gilma Germano (PPS), que sugeriu que o filiado disputasse o comando do partido no voto e não se agarra-se a tese da intervenção para assumir às rédeas da legenda na Paraíba.

As cenas dos próximos capítulos sobre a novela envolvendo o comando do PPS devem ser decididas nas próximas horas.


Henrique Lima/ Márcia Dias


PB Agora

Notícias relacionadas

Opinião: Cícero e Bruno “sofrem” pelo negacionismo de Bolsonaro

As verdades são muitas, mas, de fato, não há uma absoluta. Não existe no campo das ciências algo que possa sustentar hipóteses e paradigmas para todo um sempre, pois a…

Privatização dos Correios: veja como votou a bancada da Paraíba

Na noite de ontem (20/4), a Câmara dos Deputados votou em caráter de urgência o projeto que facilita a privatização dos Correios. Foram 280 votos favoráveis, 165 contrários e 1…