A Paraíba o tempo todo  |

Apenas dois deputados da PB subscreveram ‘superpedido’ de impeachment contra Bolsonaro

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

Dos 12 deputados federais que integram a bancada federal da Paraíba, apenas dois deles subscreveram o ‘superperdido’ de impeachment contra o presidente Jair Bolsonaro, que foi protocolado ontem, quarta-feira (1º) na Câmara dos Deputados, são eles: Gervásio Maia (PSB) e Frei Anastácio (PT).

A lista ainda reúne o sindicato dos professores da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), profissionais liberais, parlamentares do PT, MBL e PSOL e ex-aliados de Bolsonaro, como os deputados Joice Hasselmann e Alexandre Frota. Os demais deputados paraibanos não se manifestaram sobre o pedido.


Para o deputado federal Frei Anastácio, o pedido tem por objetivo pressionar o presidente da Câmara, Arthur Lira (PP) a acatar pelo menos um dos pedidos de impeachment.

“Eu registro que toda nossa bancada do PT assinou ontem o superperdido para ser protocolado na Câmara e isso é uma forma de pressionar o presidente da Câmara a desengavetar 120 pedidos de impeachment que estão lá. Porque se não houver a pressão popular, Artur Lira não irá apreciar nenhum deles. Só com a união e o povo nas ruas é que os pedidos irão para votação, por isso no próximo sábado faremos uma nova manifestação em toda país”, disse.


O presidente da Câmara, Artur Lira, no entanto, já se antecipou e aviou que não colocará em pauta para votação nenhum dos pedidos de impeachment contra o presidente Bolsonaro.


OUTRO LADO

Na Paraíba, o deputado estadual Cabo Gilberto, que se apresenta como representante do bolsonarismo raiz no estado, minimizou o pedido apresentado pela oposição e criticou a postura dos opositores, acusando-os de corrupção. “Não sou advogado do presidente, mas todos nós observamos a CPI, aonde ela quer chegar, você veja uma CPI que tem Renan Calheiros ali, com os representantes do Amazonas envolvido em desvios de dinheiro (…) mas tenho certeza que o presidente Bolsonaro punirá, de forma exemplar, quem por ventura agir dessa forma (com corrupção”, ressaltou.

PB Agora

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe