Teve início na manhã desta quinta-feira (03) na Câmara Municipal de Bayeux a sessão que irá analisar o processo que pede a cassação do prefeito Berg Lima por supostas fraudes na locação de veículos.

De acordo com o presidente da Casa, vereador Jefferson Kita (PSB), a Câmara  cumprirá todos os trâmites que envolvem a questão e ofensas pessoais não serão permitidas na apreciação da matéria.

Ele ainda ameaçou acionar o Conselho de Ética caso alguns colegas descumpram as normas.

“O parlamento é divergir de maneira respeitosa, mas a gente não vai permitir que haja agressões por ordem pessoais. Cada um tem seu posicionamento e deve respeitar a posição do outro parlamentar. Existe o Conselho de Ética para isso e não vamos transformar o Poder Legislativo em uma praça de Guerra”, disse.

Ainda segundo Kita a população cobra um desfecho do caso e qualquer que for a decisão do plenário será soberana.

O plenário é soberano e precisa de uma maioria qualificada de dois terços, ou seja, 12  votos dos 17 vereadores para que haja cassação. A população cobra que se tenha um desfecho, seja favorável ou não para a cidade ter estabilidade”, concluiu.

Por conta da quantidade de material que precisa ser avaliado a apreciação do processo poderá se estender até às 22h.

EM TEMPO

Os vereadores da Câmara Municipal de Bayeux voltaram a se reunir na tarde desta quinta-feira (03) para avaliar o pedido de cassação do prefeito Berg Lima. O processo que está em pauta na sessão de hoje diz respeito a fraudes na locação de veículos pela prefeitura da cidade. O parecer do relator da comissão de impeachment já foi lido e a votação deve acontecer ainda hoje.

ACOMPANHE AO VIVO

PB Agora

 


Veja como adquirir a certificação digital para pessoa física sem burocracia

 

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Análise – Cícero Lucena será o coringa do jogo eleitoral mais cobiçado de 2020

Pense num “caba” que meio-mundo e outro tanto de pretensos candidatos à sucessão de Luciano Cartaxo, na Prefeitura de João Pessoa, vão disputar o apoio: Cícero Lucena, o caboclinho de…

Veja traz que Governo Bolsonaro vasculha contratos da Globo com celebridades

A coluna Radar da revista Veja, trouxe na sua coluna desta sexta-feira (17), que  alvo de ameaças de Jair Bolsonaro, a Globo está no centro de uma forte fiscalização da…