Por pbagora.com.br

O deputado estadual, Anísio Maia, do PT da Paraíba, detonou os políticos do Estado, e das demais regiões do país que votaram para livrar o presidente Michel Temer (PMDB) da investigação pela prática de corrupção passiva.

Segundo o petista, com a decisão, os deputados acabaram por criar uma nova modalidade, que é roubar primeiro e depois, só após o mandato, pagar pelo que fez.

“Os que votaram pela permanência de Temer é porque são iguais a Temer. Criaram uma novidade. Você agora pode roubar e pagar depois. Agora todo o corrupto quando iniciar o governo deixa ele roubar, e depois que ele sair nós tomamos as medidas cabíveis. É isso que passou para o Brasil. Mas para mim não houve nenhuma novidade. O povo é que tem que olhar um por um em quem votou e não deixar esse povo voltar, senão continua todo do mesmo jeito, ou seja, o Brasil sendo governado por outro Temer”, disparou.

Da bancada da Paraíba, metade votou para blindar o presidente.

 



 



VOTO A VOTO

SIM – A FAVOR DE TEMER

NÃO – CONTRA TEMER





Agnaldo Ribeiro – SIM 



André Amaral – SIM 



Benjamin Maranhão – SIM



Damião Feliciano – NÃO



Efraim Filho – SIM 



Hugo Motta – SIM



Luiz Couto – NÃO



Pedro Cunha Lima – NÃO



Rômulo Gouveia – SIM 



Veneziano Vital – NÃO



Wellington Roberto – NÃO



Wilson Filho – AUSENTE

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Conheça as três cidades paraibanas onde o DEM fez ‘barba, cabelo e bigode’

O líder nacional do Democratas na Câmara dos Deputados, o paraibano Efraim Filho, tem motivo duplo para comemorar o resultado das eleições: cenário positivo de vitórias no Brasil e na…

Opinião: citado na Operação Poço sem fundo, presidente do diretório do MDB de João Pessoa fragiliza Nilvan

O dia começou agitado para o candidato a prefeito Nilvan Ferreira (MDB), pelo fato de uma das pessoas ligadas à família Maranhão ser citado na chamada Operação Poço sem Fundo.…