Frei Anastácio garante que vai cumprir decisão do PT e não fará objeções em caso de adesão à bancada de sustentação de Ricardo na Assembleia

Sou partidário e vou cumprir o que PT decidir. Foi com essa afirmativa que o deputado eleito Frei Anastácio, ex-presidente do PT paraibano, respondeu à possibilidade do partido compor a bancada de sustentação do governador Ricardo Coutinho (PBS) na Assembleia Legislativa da Paraíba.

“Vou caminhar com o partido, o que ele decidir eu seguirei”, declarou Anastácio, sem querer emitir, no entanto, posição pessoal a respeito da atual posição do PT. “Fizemos uma aliança legítima com o PMDB e perdemos a eleição. Reconheço à vitória, mas o PT é que vai decidir seu rumo”, declarou Anastácio.

Além dele, o PT elegeu mais dois deputados estaduais: Luciano Cartaxo e Anísio Maia. Ambos com um canal de diálogo com o novo governador mais avançado.

Lideranças petistas estão defendendo a aliança do PT com o próximo governador, acentuando a aliança do PSB com o projeto nacional da presidente eleita, Dilma Roussef.

O presidente do PT na Paraíba, Rodrigo Soares, que foi candidato a vice-governador na chapa de José Maranhão (PMDB), ainda não se pronunciou.

A Executiva Estadual do PT se reúne na noite desta quinta.

Do blog do Luís Tôrres
 

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Deputado explica motivos de críticas e nega afastamento político do prefeito Romero Rodrigues

Após formular críticas a gestão municipal por meio das redes sociais, o deputado federal Julian Lemos (PSL) afirmou que continua apoiando a administração do prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues…

Análise: Galdino acredita na reconciliação de RC e João, e PSB sabe a importância dos líderes para 2020

O presidente da Assembleia Legislativa da Paraíba, Adriano Galdino (PSB), deu a senha que aterroriza alguns setores da política paraibana. A real possibilidade do ex-governador Ricardo Coutinho, e seu sucessor,…